Ei, você levou ferro na PF, PRF ou PCDF?


É triste, eu sei que é. Você estudou, dedicou, gastou uma grana que tem e que não tem, deixou de estar perto das pessoas que ama para ficar com cara enfiada num PDF, numa videoaula. Dá raiva, dá vontade de meter o bico em tudo e largar isso de vez.


Na moral, não faça isso. Você pode achar que não, mas está a cada dia mais perto de cravar um notão em uma prova dessas de polícia e aí sim começar sua caminhada de aprovações. Cada dia estudado, cada prova realizada, cada tempo dedicado, tudo isso é uma soma de conhecimento, de experiência. Você está anos luz à frente de quem vai começar agora, de quem vai entrar nesse mundo sonhando e vai levar as mesmas porradas que você levou.


Reflita sobre como foi sua caminhada até aqui. Onde acertou, onde errou. Corrija os erros. Corrija sua postura. Corrija sua maneira de estudar. Era o celular perto que tirou sua concentração? Bota ele longe daqui em diante. Era a falta de revisão? Bora fazer. Era um estudo muito passivo, engolindo conteúdo sem participar de nada? Mude também. Era um simulado feito e analisado só a nota fria de certas e erradas? Hora de usar a ferramenta como revisão e correção de item por item. Não se conforme com erros, fique puto e corrija até entender o que aconteceu. Duvido você não aprender assim.


2022 está aí pipocando de concursos policiais. Cabe a você decidir se quer passar ou não. Sua base está aí, ninguém tira ela de você. As milhares de horas estudadas, as milhares de questões, tudo isso não será em vão, mas você precisa querer novamente. Esteja pronto, mantenha a guarda em condições, é agora que você começa a colher todos os frutos da sua dedicação.


Vitão Rosa – Elitte Concursos

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Em minha experiência enquanto psicanalista, me deparei inúmeras vezes com sujeitos que vivenciavam o processo de estudar para concurso público, alguns já empregados, com família, outros ainda almejand

Caminhos