Subestimar


Subestimar: numa definição de dicionário, pode ser entendido como não ter grande consideração, como desdenhar, calcular para menos.


Na vida, subestimar está entre as condutas que mais fazemos. Subestimamos nossa capacidade, subestimamos os desafios que a rotina coloca, subestimamos até as pessoas que estão a nossa volta e que poderiam nos ajudar.


A primeira grande aparição do subestimar é quando olhamos para o espelho, quando olhamos para dentro de nós e não acreditamos ser possível. Ora, quem disse que não é possível? Quem colocou limites na sua capacidade? Quem determinou que o ponto que você chegou é o ponto final de suas conquistas?


Rompa com tudo isso. Pare de se achar limitado para algo. Chega de viver entre cercas. O boi vive preso em um curral, fica limitado por um arame liso, pois não sabe a capacidade que tem de sair dali. Apenas foi delimitado que o espaço dele seria aquele, num mundo vasto de um campo aberto. E ele simplesmente aceita, pois não possui nossa capacidade cognitiva do questionamento e da não aceitação de imposição de vontades alheias.


Você precisa dar um basta nisso. Precisa mostrar, primeiro para si e depois para os outros, que sua capacidade vai muito além do que foi demonstrada até hoje.


É hora de tomar as rédeas da sua vida, conduzir seu destino para um futuro melhor, não só financeiramente, mas um futuro de plena satisfação pessoal. Difícil falar de dores sem tê-las vivido, mas imagino que uma das que mais machucam é a dor de não ter tentado, de ter tido a chance e deixado de lado porque não houve fé na própria capacidade.


Então é hoje. A hora é agora. Chega de achar que suas qualidades não são reais. Chega de achar que você não pode. Você pode, você tem condições sim de alcançar aquele sonho que um dia achou distante. Ele está mais perto do que você imagina, está mais real do que desenhou. Ele está lá, no mesmo lugar que você idealizou. Você está aí, no mesmo lugar também. Ele não se mexe, cabe a você o primeiro passo rumo à aproximação e realização.


É isso.


Vitão Rosa

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Em minha experiência enquanto psicanalista, me deparei inúmeras vezes com sujeitos que vivenciavam o processo de estudar para concurso público, alguns já empregados, com família, outros ainda almejand

Caminhos